EQUILIBRIO_ARTE_2EM.png

INTERVENÇÃO

NA CONSTRUÇÃO

Captura_de_Tela_2020-10-13_às_16.25.59
EQUILIBRIO_ARTE_2EM.png

Apogeie-se

 

Ímpeto egoísta

Humano e singelamente discreto

De zelo altruísta

Que vela a pedante mania

De se achar equilibrista

 

No abismo cego do aprumo

Afunda em queda livre

 

O equilíbrio

Da certeza do desequilíbrio

Do contentamento cíclico

De saber ser e ter sido

 

O desequilíbrio

Da finitude do equilíbrio

Descontentamento cínico

De não ver nem ter visto

 

No poço cintilante

A vocação para pedantice

Caiu na mesmice

A harmonia é limitante

 

Que sina é essa?

Que molda flatulência

Sem gerar qualquer tangência

Sina fraudulenta

Que equilibra fardo em débil

Pura obsolescência

 

Criar horizonte solene

Arquitetar em arguto

Erigir ciência

Conceber florescência

Construção perene

 

A

 

 

P

 

 

 

O

 

 

G

 

 

 

E

 

U

 

Poema realizado a partir da imagem produzida para IMAGINAR-TE.

SEGUNO ANO - Ensino Médio

 

Artes visuais, 2020

To play, press and hold the enter key. To stop, release the enter key.

press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom

deixe seu comentário

Obrigado

pela Construção.

2ºano EM